domingo, 22 de janeiro de 2012

Dicas de Pintura - Pastéis - parte 06

Traços Laterais



    A melhor maneira de cobrir extensas áreas do papel na pintura em pastel é esfregando a lateral do bastão através do papel, aplicando uma grossa faixa de cor. Os traços laterais podem ser mais do que um "preenchimento". Podem ser variados, belos e expressivos enquanto traços de linhas. Muitos efeitos diferentes podem ser criados pela variação de pressão e direção do traço. Sobrepondo um traço a outro, misturando em algumas áreas e sobrepondo as cores, umas sobre as outras.
    O comprimento do bastão de pastel sempre afeta o tipo de traço sendo feito. Salvo quando estiver usando os pastéis duros, que são relativamente fortes, quase sempre terá de quebrar o bastão. Se tentar fazer traços laterais com o bastão inteiro, ele provavelmente se quebrará, e um comprimento menor oferece maior controle. Normalmente, o comprimento não deve ultrapassar 5 cm (2 pol), mas você poderá usar pedaços até menores que esses para fazer traços curtos pontudos, semelhantes aos lineares. O outro fator que afeta os traços laterais, até mais que o linear, é a textura do papel. Uma textura pesada como a do papel de aquarela irá partir o traço, produzindo um efeito de granulação, as cores depositadas apenas na parte superior da trama do papel. No papel lixo, a cor será mais densa. Se aplicar o pastel pesadamente, cobrirá o papel por completo. Fique ciente de que se for usar os traços laterais na mistura de cores, aplicando uma cor sobre a outra, a pressão inicial deve ser leve, ou o papel ficará abarrotado.




Nenhum comentário:

Postar um comentário