quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Série Povos da Terra - Os Incas - Parte 01



Descendentes do incas


Nos confins da Cordilheira dos Andes uma importante civilização ergueu os seus domínios e fundou um grandiosos império. Eram os incas, que juntos com os Maias e os Astecas representam os grandes impérios que dominaram as Américas antes da chegada dos europeus.
    Diz a lenda que a região do Titicaca era um vale bastante fértil, habitado por homens que viviam felizes e tranquilos. Nada lhes faltava, a terra era muito rica, fértil e os presenteava com tudo do que necessitavam. Nesta terra não se conhecia nem a morte, nem o ódio, nem a ambição. Os Apus, que eram os deuses das montanhas, protegiam a todos. Os Apus impuseram apenas uma proibição: nada, nem ninguém deveria subir nas montanhas, onde estava acesso o “fogo sagrado”.


Machupicchu, na Cordilheira dos Andes
Durante muito tempo não passava pela cabeça dos homens  desrespeitar esta simples regra. Mas o demônio, espírito maligno, condenado a viver na repleta escuridão, não suportava ver a felicidade e tranquilidade com as quais os homens viviam no vale. Coberto de inveja ele começou a semear a discórdia, pedindo a eles que provassem sua coragem e fossem buscar o “fogo sagrado” nas montanhas.

Lago Titicaca
Então, num belo dia pela manhã, os homens iniciaram sua escalada nas montanhas, mas no meio do caminho foram surpreendidos pelos Apus. Estes entenderam que os homens haviam desobedecido sua única regra e que deveriam ser exterminados. Milhares de pumas saíram das cavernas e devoraram os homens enquanto estes suplicavam ao demônio por sua ajuda, enquanto este permaneceu insensível as suas súplicas. 
Cordilheira dos Andes
Vendo isto, Inti, o deus do sol, começou a chorar. Suas lágrimas eram tão abundantes que em quarenta dias inundou todo o vale. Somente um homem e uma mulher conseguiram se salvar, sobre uma barca de junco.
Quando o sol brilhou novamente, o homem e a mulher não conseguiam acreditar no que seus olhos viam: abaixo do céu azul estava um lago imenso e límpido. No meio de suas águas flutuavam os pumas, afogados e transformados em estátuas de pedra.
Chamaram então o lago Titicaca de “o lago dos pumas de pedra”.
Lago Titicaca
Sapa Inca era o imperador dos Incas, considerado um deus na Terra. A hierarquia inca era formada por nobres (governantes, chefes militares, juízes e sacerdotes),  camada média ( funcionários públicos e profissionais especializados), e a classe mais baixa (artesãos e camponeses). Esta última camada era quem pagava a maior parte dos impostos ao rei em mercadorias ou trabalhando nas obras públicas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário