segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Vencendo os nossos inimigos pelo conhecimento







   Quando criança eu tinha muito medo de aranhas. Eu e meu irmão Iranildo pegávamos nossos estilingues para caçar uns passarinhos pelas rendondezas perto de casa. Lá dentro das capoeiras, pelos campos, passando debaixo dos cajueiros, mangueiras eu esquecia que estava caçando. Minha preocupação era dar de frente com uma enorme aranha caranguejeira pronta pra me atacar. Ia caminhando e observando atentamente os galhos, as folhagens secas no chão. Puxa! Aquilo era aterrorizante para mim. Ás vezes até que avistava um inseto e nervoso recuava, esperando que o meu irmão voltasse e aniquilasse o tal monstro de enormes patas cabeludas. 

 Em nossa vida diária não é muito diferente. Existem muitos "insetos" que atormentam nossa alma, e de repente não vemos como baní-los do nosso caminho. É importante que conheçamos estes "monstros" que nos causam pavor, pois só assim poderemos destruí-los. Quando começei a ler algo a respeito dos insetos, principalmente as aranhas seja lá como fossem, aquele receio que tinha deles foi diminuindo. Aprendi que se soubermos lhe dar com caranguejeiras elas não nos farão mal algum. Descobri que muitas delas só atacam para se defender e não irão sair do seu lugar para simplesmente nos picar. Elas só nos atacarão se forem molestadas. Os grilos, os gafanhotos, coitados! Jamais poderiam fazer qualquer mal a mim. Eu os temia porque não os conhecia. Para mim eram verdadeiras bestas feras prontas para me atacar. Eu tinha que passar bem longe delas para ficar seguro. Tanta ingenuidade e ignorância só poderiam existir dentro de mim. Na vida cristã não é muito diferente.
 Nós temos um inimigo que para muitos que se dizem crentes e cristãos é a expressão máxima do perigo: Satanás, ou o diabo. Quantos professos cristãos temem este ser de forma tão exagerada que até pensam que não conseguirão obter a vitoria neste mundo tenebroso! Isto não pode ser assim. A Palavra de Deus nos afirma que este nosso pretenso "arqui-inimigo" foi derrotado. Jesus, ao ser assunto aos céus recebeu todo poder e honra. 
   A Bíblia nos afirma que "o calcanhar foi ferido pela serpente" mas, a Estrela de Davi já a esmagou sob os seu pés. Isto significa que não devemos temer a este anjo decaído. O diabo se apresentará diante de nós de acordo com as idéias que teremos dele. As aranhas caranguejeiras eram monstros bizarros e aterrorizantes diante de mim porque eu não as conhecia. O que imaginava a seu respeito era assim que invadiam minha mente, era assim que se apresentavam diante de mim. Eu as temia porque não as conhecia. Certo dia avistei uma "enorme caranguejeira" atravesando o asfalto bem devagar. De repente poderia surgir um carro ou moto ou mesmo minha bicicleta, e poderia ela ser esmagada em questão de segundos. Ainda bem que aquela estrada não tinha muito tráfego e o inseto atravessou-a em paz. Eu apenas fiquei observando de perto. Já não tinha mais medo dela. Eu a conhecia muito bem e sabia que não me faria nenhum mal. Minha arma era o conhecimento. Se não soubesse nada a respeito de insetos eu tentaria matá-la ou sairia pedalando assustado pelo asfalto afora! Mais isto não aconteceu naquele momento.

  Eu teria muito o que conversar daqui por diante. Mas vou finalizar dizendo que o teu inimigo espiritual é o que você pensa sobre ele. Satanás usa o medo como artimanha para se impor. Ele sabe que não tem poder nenhum. Mas sabe usar muito bem as nossas idéias erradas a seu respeito. Conheça este teu inimigo lendo a Bíblia pois ela nos apresenta toda a verdade sobre ele. Se você conhecer a verdade ela te libertará. E verás que o teu inimigo ou os teus inimigos não passam de simples "insetos" que podem ser esmagados debaixo dos teus pés.

Nenhum comentário:

Postar um comentário