sábado, 28 de agosto de 2010

NOVA ERA - PARTE 2


RAZÕES DO RENASCIMENTO

Existem vários fatores que concorrem para o renascimento do paganismo. Neste desejo louco de dominar um mundo cheio de problemas e sofrimentos, muitas pessoas entram noutra dimensão, a da fantasia criada pela indústria do entretenimento. Na televisão, programas sobre bruxas tão belas como inteligentes apresentam a bruxaria como algo desejoso, enquanto o êxito extraordinário das novelas e filmes sobre Harry Potter prosseguem despertando o interesse pela feitiçaria e o ocultismo.
Esta moda coincide com certas tendências sociais importantes que alteraram o meio cultural e espiritual de nossa era moderna. A partir dos anos sessenta, em especial, temos visto reformistas sociais radicais anunciando um evangelho de "fazer bem o que quiseres", ou seja, satisfazer os sentidos de qualquer maneira que lhe apraz; sempre que se sinta confortável e pareça bem para o indivíduo. Esta mentalidade se ajusta bem com o preceito básico da wicca que não reconhece nada que seja absoluto. Nada que seja bom ou mal e ainda insiste que não há uma norma inalterável do bem e do mal.(Abanes). O interesse do povo pela bruxaria e o culto da "deusa mãe" bem pode ver-se com "o seguinte passo lógico depois do feminismo" (ibídem). Assim como o movimento feminista planejou desafiar uma sociedade dominada por homens, a crescente aparição de bruxas e o culto a uma deusa mãe traçam um plano como alguns podem perceber como a religião dominada por varões e orientada ao "Deus Pai".
Em um mundo onde muitos estão presenciando a ruína de diversos valores morais e intelectuais do materialismo, as religiões "tradicionais" deixaram de ser o destino daqueles que buscam uma realização espiritual mais intensa e profunda. Em seu lugar as pessoas insatisfeitas se voltam para o paganismo e o ocultismo. Muitas igrejas cristãs sofreram um êxodo massivo de milhões nas últimas décadas. Em nosso mundo, onde tantos se sentem impotentes para agir diante dos fatos que os rodeiam, há os que buscam socorro na bruxaria e nos feitiços em um esforço tremendo de encontrar algum controle sobre sua vida e a de outros. Pessoas alienadas, que se sentem desligadas da sociedade moderna, acodem ao neopaganismo para "sintonizar-se" com o espírito do Universo.
O renascer pagão moderno é um fenômeno muito extenso... e desconcertante! Porém aprensenta-se como pálido acontecimento se comparado com outros costumes pagãos difundidos pelo mundo, e acolhido pelas religiões do mundo onde gozam de apoio quase universal!

(Extraído de revista El Mundo de Mañana, tradução livre).

Nenhum comentário:

Postar um comentário